04 setembro 2006

Porquê o ciúme?!

Wikipedia
O ciúme é o estado emocional complexo que envolve um sentimento penoso provocado em relação a uma pessoa de que se pretende o amor exclusivo; receio de que o ente amado dedique seu afecto a outrem.

Wikiquote
"Despreza-se um homem que tem ciúmes da mulher, porque isso é testemunho de que ele não ama como deve ser, e de que tem má opinião de si próprio ou dela". René Descartes

"Erram tanto, o que suspeita demais, quanto o que demais confia. Diderot

"O ciúme é o meio-termo entre o amor e o ódio. Commerson

"No banquete do amor, o ciúme é o saleiro, que ao querer verdadeiro, empresta vivo sabor. Advirta-se, porém, ser erro temperar em demasia. O ciúme, por ser só sal, se posto demais no prato, não tempera, antes, maltrata. Tirso de Molina

"O ciúme manifestado pelo homem quase sempre é infundado e sempre inflama a mulher. O ciúme mostrado pela mulher quase sempre é procedente e jamais inflama o homem. Severo Catalina

"O orgulho tem esquisitices como qualquer outra paixão. Temos vergonha de confessar que sentimos ciúmes, mas nos vangloriamos de havermos tido, e de sermos capazes de tê-lo. La Rochefoucauld

"Que vida de inferno é a vida do ciumento! Antes não amar, do que amar desse modo. Mantegazza

"Para que um bom relacionamento continue e seja agradável, é preciso não apenas suspeitar prudentemente, como ocultar discretamente a suspeita. Stendhal

"As grandes paixões, aquelas que chegam de repente, sempre trazem consigo as suspeitas. Cervantes

"Deuses imortais! Rogo por mim e por ninguém mais. Que jamais cresça em meu peito um coração que confie num juramento ou numa afeição. Shakespeare

"É o ciúme, turbador da tranqüila paz amorosa! Ele é punhal que mata a mais firme das esperanças! Cervantes

"Os ciumentos sempre olham para tudo com óculos de aumento, os quais engrandecem as coisas pequenas, agigantam os anões, e fazem com que as suspeitas pareçam verdades. Cervantes

"Essa enfermidade a que os amantes chamam de ciúme, e a que melhor chamariam desespero raivoso, tem por componentes a inveja e o menosprezo. Quando tal enfermidade domina a alma enamorada, não existe ponderação que a sossegue, nem remédio que a possa curar. Cervantes

"Um acesso de ciúme pode levar um homem a cometer ações tão indignas que, uma vez passada a vertigem da suspeita, ele se encontre grandemente envergonhado. Massillon

"Nenhum estado de ânimo desgoverna tanto o viver do homem quanto o ciúme, posto ser ele flecha envenenada que se crava, simultaneamente, no coração do amante e no orgulho do homem. Massillon

"De todas as enfermidades que acometem o espírito, o ciúme é aquela a qual tudo serve de alimento, e nada serve de remédio. Montaigne

"Aumentam sempre aquelas suspeitas que levam ao ciúme, e uma vez averiguadas as suspeitas, sempre diminui o amor que as motivou. Lope de Vega

"O ciúme, o receio de deixar, e o medo de ser deixado, são as dores inseparáveis do declínio do amor. La Rochefoucauld

"O ciúme é odioso quando proveniente de alguém que nos desagrada, mas pode até ser agradável quando demonstra as inquietudes de um enamorado que nos cativou e que assim mostra seu apreço. Quanto mais zelo patentear, mais amor nos merece. Molière

"O ciumento que se encoleriza ante a suspeita de não ser amado é um tirano. Se te arriscas a vir a ser um mau em razão de um prazer, renuncia a esse prazer. Se te arriscas a ser um tirano em razão de um amor, renuncia a esse amor. Silvio Pellico

"O que torna tão aguda a dor provocada pelo ciúme, é que a vaidade não pode ajudar a suportá-lo. Stendhal

"O ciúme jamais está isento de uma ponta de inveja. Freqüentemente essas duas paixões estão confundidas. La Bruyère

"O ciúme da mulher ordinariamente nasce do despeito, enquanto o do homem é filho do egoísmo. Severo Catalina

"O ciumento acaba sempre encontrando mais do que procura. Mme. Scudéry

"O ciúme é mistura explosiva de amor, ódio, avareza e orgulho. Alfonso Karr

"Da raivosa paixão que resulta do ciúme, só os ciumentos podem falar adequadamente. E será que mesmo os que a padecem são capazes de explicá-la? Como a devem rotular: Loucura furiosa? Inferno confuso? Verdugo do coração? Quevedo

"Todo aquele que desconfia, convida os outros a traí-lo. Voltaire

"O verdadeiro amor não arde em ciúmes" Coríntios cap.13 Bíblia

"Como ciumento sofro quatro vezes: porque sou ciumento, porque me reprovo de sê-lo, porque temo que meu ciúme machuque o outro, porque me deixo dominar por uma banalidade: sofro por ser excluído, por ser agressivo, por ser louco e por ser comum." Roland Barthes


Porquê o ciúme?
O que é que faz uma marido sentir ciúmes da mulher e vice-versa?
O que é que provoca este sentimento entre amigos?
Porque é que os irmãos têm ciúmes uns dos outros?
Qual o motivo de pais e filhos sentirem ciúmes da esposa e mãe, respectivamente?

E mais importante: Como é que o objecto do ciúme lida com isto?!!

sigh

3 comentários:

Sofia Cavaco disse...

{{{{{Mishka}}}}}

Psyche disse...

Acho que o ciúme é parte egoísta do amor que sentimos.
é querer aquela pessoa so para nós e ter medo que ela goste mais de outro alguém que não a nossa pessoa.

Eu sou mto ciumenta...enfim...nao devia, mas é dificil controlar...

beijinho

Crestfallen disse...

o ciúme é complicado, dizem que tempera o amor e assim, que é bom saber q o outro tem ciumes porque quer dizer que nos ama, etc. Eu acho uma perda de tempo. Devemos confiar em quem diz que nos ama, se não como vamos controlar a insegurança, o medo de o perder?

mostra essas definições todas ao ciumento, pode ser que lhe abram os olhos...